Tags

 

roupasarrumacao

Minha relação com a roupa mudou completamente.

Eu nunca percebi, mas tratava minhas roupas com muito desdém. Dobrava de qualquer maneira, não gostava de passar, não tinha cuidado com a lavagem… e isso tudo só poderia resultar em uma coisa: descarte.

Depois que mudei meu estilo de vida, me vi quase que obrigada a cuidar mais das minhas peças. As bolsas não podiam mais ficar bagunçadas, pesando umas sobre as outras, as roupas não podiam mais voltar desbotadas da máquina, sair de casa mal passada se tornou um crime pra mim.

Hoje em dia tenho muito mais carinho não só com roupas e acessórios, mas com tudo! Os objetos são usados com cuidado, a casa é limpa com frequencia, as roupas são tratadas com atenção, posso dizer que tudo mudou.

Quando você compra muita coisa, acaba não tendo paciência para cuidar daquilo que tem, consequentemente as coisas acabam se desgastando, porém, quando se tem pouco, você sabe que se perder aquela peça, terá que sair de casa em busca de outra tão boa quanto para substituir, e as vezes, não vai encontrar com tanta facilidade.

Com tudo isso você pode pensar: “então ela é totalmente apegada às coisas materiais”, só que não é bem assim. Apesar de cuidar com carinho do que tenho, sei que são apenas “coisas” e que não me afetarão tanto se precisar me desfazer delas.

Diferente das pessoas! Sentimos muita falta quando alguém que amamos precisa partir, e é sempre uma perda insubstituível, portanto, aproveite o tempo que ainda tem com aqueles que ama. O tempo não volta, o que volta é a vontade de voltar no tempo.

Advertisements